{{}}
 
  • BALCÃO DE NEGÓCIOS

A SELIC VAI AUMENTAR MAIS? COMO ISSO PODE AFETAR A COMPRA DO MEU IMÓVEL?

Aumento da taxa básica pode encarecer os custos de financiamentos se o ritmo crescimento se manter

Se você acompanha as notícias todos os dias, certamente já ouviu algo sobre a Taxa Selic. Basicamente, ela é a taxa básica de juros que rege a economia como um todo, podendo impactar diversos aspectos do dia a dia dos brasileiros, seja influenciando a taxa de juros praticadas em empréstimos ou financiamentos, a rentabilidade de investimentos ou mesmo o avanço ou a retração da economia.


Qual o cenário atual da taxa?


A Taxa Selic hoje está em 3,5% ao ano. Ela foi definida no dia 5 de maio de 2021 pelo Copom, que decidiu subir a taxa 2,75% para 3,5% – a segunda alta consecutiva de 0,75 pontos percentuais.

E a previsão para a próxima reunião, que acontecerá no próximo dia 15 de junho é que a taxa aumente ainda mais, numa tentativa de frear a escalada da inflação.


Mas como isso pode afetar a aquisição do meu imóvel?


Como a maior parte dos recursos utilizados nos financiamentos imobiliários vem da poupança, que custa aos bancos 70% da Selic, qualquer aumento nessa taxa pode levar a um aumento no valor repassado ao consumidor final. Mas como as últimas reduções não haviam sido repassadas completamente para os consumidores finais e o ambiente imobiliário está forte e aquecido, no curto prazo o aumento não deve afetar as taxas dos grandes bancos.


Então agora é o momento ideal para comprar o meu imóvel?


Sim, se você pretende comprar um imóvel ainda em 2021, esse é o melhor momento para se fazer um financiamento imobiliário, pois ainda conseguirá aproveitar ótimas taxas de juros e realizar o sonho de ter seu próprio imóvel ainda mais rápido.

Outro motivo que costuma ser mencionado por quem defende que este é um bom momento para a compra são as previsões de aumento no preço médio dos imóveis.


Viu? Vai perder a chance de pagar mais barato no imóvel dos seus sonhos? Clique aqui e faça sua simulação gratuita :)

3 visualizações0 comentário